O Silêncio

Textos e Pretextos Nº 4
Publisher:
CEC
Year: 2004
Price: 5€


O Silêncio – Textos e Pretextos, Summer 2004, nº 4{mosimage}

Depois de ter sido repudiada por Narciso, Eco retirou-se para o mundo sombrio de cavernas e vales frios, onde escondeu os vestígios do seu corpo de ninfa. Sem corpo, apenas a sua voz subsistiu. Muitos consideraram que Eco agiu desta forma por desgosto amoroso. E talvez tenha sido assim a princípio. Mas no escuro, Eco, incorpórea e imortal, cedo começou a tecer os fios da sua vingança contra os mortais que, como Narciso, não entenderiam nunca a sua linguagem fragmentada. Esperou o tempo necessário e aos poucos (para não denunciar a sua empresa) começou a sair dos seus locais de exílio. Por sua influência, foram inventadas máquinas que transportam e produzem sons. Por seu capricho, também as imagens (primeiro congeladas, depois com movimento) entraram no seu domínio. Hoje, imagens e sons reproduzem-se num ritmo estonteante, numa espiral de ruído, que nos atordoa, mas da qual não conseguimos fugir. A nossa visão do mundo está estilhaçada em muitos pedaços, alguns escondidos e quase perdidos, outros muito visíveis e reproduzidos à saciedade. Eco domina as nossas vidas e, presidindo o Olimpo dos tempos modernos, daí executa calmamente a sua vingança.
 No entanto, existe uma maneira de anular o ruído dominante e voltar a construir um sentido para as coisas: respondendo a Eco com o silêncio.

João Ribeirete

CONTENTS

 

TEXTURAS [Articles]

  • “Silêncio: impossibilidade e urgências poéticas em Luíza Neto Jorge”, Ana Luísa Alves
  • “Ouvir o silêncio”, Maria João Mayer Branco
  • “Quando o silêncio se faz corpo: o inconfessável desejo da escrita medieval”, Carlos F. Clamote Carreto
  • “Story of a Prague silence: when realism becomes taciturn”, Matteo Colombi
  • “Mo(vi)mentos de silêncio: de Penélope a Mallarmé”, Ana Sofia da Siva Couto
  • “Loquacidade do silêncio”, Tito Cardoso e Cunha

CONTRA-SENHA (Testimonials)

  • Fernando Campos;
  • Maria Teresa Dias Furtado;
  • Jorge Matnas;
  • Margarida Braga Neves

CONTRA-SENHA (Reports)

  • A religião: do vazio à fecundidade, Cláudia Coutinho e Sara Ramos Pinto
  • A arquitectura: Manuel Graça Dias: (entre)vistas e silêncios, Ana Raquel Fernandes, Ricardo Faria e Susana Carneiro
  • “A pintura: O silêncio na pintura: reflexões em torno de alguns quadros de Vermeer, Friedrich e David”; Margarida Calado
  • “A dança: O silêncio do corpo: entre imobilidade e movimento”, Orlanda Azevedo
  • Maria Velho da Costa (inédito)
  • António Ramos Rosa (inédito)
  • Manuel da Silva Ramos (inédito)

Variações (Interviews)

  • António Ramos Rosa
  • Urbano Tavares Rodrigues
  • Jorge Silva Melo
  • Graça Morais
  • José Manuel Rodrigues
  • Né Barros

Anthology (Poetry, Pictures and Comics)

Textualidades (Themed Bibliography)

{excerpts}